THE DELAGOA BAY WORLD

06/06/2012

OBRA DE CHICHORRO EM LEILÃO EM LISBOA, 2012

Filed under: Chichorro - pintor — ABM @ 18:37

Obra de Chichorro que vai ser leiloada cerca do dia 20 deste mês na leiloeira lisboaeta Palácio do Correio Velho, que indica uma faixa estimada da venda entre os 6 e os 10 mil euros. Para mais detalhes, consulte o excelente sítio do PCV.

Decalcado da Wikipédia pela Olinda Cavadinha:

Roberto Carneiro de Alcáçovas de Sousa Chichorro (Malhangalene, Maputo, 19 de Setembro de 1941) é um artista plástico moçambicano.

Chichorro passou a sua infância na Malafala,bairro entre a cidade colonial dos brancos e a cidade de caniço dos negros, vivência que se encontra repercutida na sua obra plástica.

Aos dezassete anos concluiu o curso industrial de Construção Civil.
Participou na primeira exposição na Colectiva dos Festejos da cidade de Lourenço Marques (hoje Maputo), em 1966.

A sua primeira exposição individual teve lugar em 1967, na mesma cidade, na Cooperativa da Casas de Lourenço Marques, onde trabalhava como desenhador de arquitectura.

Em 1982 recebeu uma bolsa do governo espanhol, que lhe permitiu trabalhar em Madrid, em cerâmica, no Taller Azul, e em zincogravura, com Óscar Manezzi.

Em 1986 foi para Portugal com uma bolsa do Governo português

Algumas exposições
1996: Colectiva dos Festejos da Cidade de Lourenço Marques
1967: Individual em Lourenço Marques
1971: Individual em Lisboa
1972: Individual em Luanda
1973 a 1982: Colectivas em Moçambique, Angola, Itália, Bulgária, Portugal, ex-República Democrática Alemã e URSS
1984 a 1986: Individuais e colectivas em cidades de Portugal e de Espanha
1986 a 1991: Individuais em cidades de Espanha e Portugal e em Bissau e no Maputo
Colectivas em Portugal, Estocolmo, Los Angeles e Nova Iorque
1986: 2.ª Bienal de Havana
1991: Bienal de Óbidos
1991: Individual no Maputo

Alguns prémios

Prémio Aquisição, no Salão de Arte Moderna de Angola, em 1973
Menção honrosa no Salão de Outuno do Casino Estoril, em 1987
Menção honrosa na Bienal de Óbidos, em 1991
Instituições onde está representado

Está representado:

No Museu Nacional de Arte Contemporânea em (Lisboa)
No Museu de Arte Contemporânea de Luanda
Em colecções públicas de Moçambique, Brasil, Itália, Tanzânia e Estados Unidos
Fontes
Moçambique, Comissário-Geral de Moçambique para a Exposição Universal de Sevilha. 9 artistas de Moçambique. Maputo, Museu Nacional de Arte de Moçambique, 1992.

(fim)

Anúncios

3 comentários »

  1. Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

    Roberto Carneiro de Alcáçovas de Sousa Chichorro (Malhangalene, Maputo, 19 de Setembro de 1941) é um artista plástico moçambicano.
    Chichorro passou a sua infância na Malafala,bairro entre a cidade colonial dos brancos e a cidade de caniço dos negros, vivência que se encontra repercutida na sua obra plástica.
    Aos dezassete anos concluiu o curso industrial de Construção Civil.
    Participou na primeira exposição na Colectiva dos Festejos da cidade de Lourenço Marques (hoje Maputo), em 1966.
    A sua primeira exposição individual teve lugar em 1967, na mesma cidade, na Cooperativa da Casas de Lourenço Marques, onde trabalhava como desenhador de arquitectura.
    Em 1982 recebeu uma bolsa do governo espanhol, que lhe permitiu trabalhar em Madrid, em cerâmica, no Taller Azul, e em zincogravura, com Óscar Manezzi.
    Em 1986 foi para Portugal com uma bolsa do Governo português

    Algumas exposições
    1996: Colectiva dos Festejos da Cidade de Lourenço Marques
    1967: Individual em Lourenço Marques
    1971: Individual em Lisboa
    1972: Individual em Luanda
    1973 a 1982: Colectivas em Moçambique, Angola, Itália, Bulgária, Portugal, ex-República Democrática Alemã e URSS
    1984 a 1986: Individuais e colectivas em cidades de Portugal e de Espanha
    1986 a 1991: Individuais em cidades de Espanha e Portugal e em Bissau e no Maputo
    Colectivas em Portugal, Estocolmo, Los Angeles e Nova Iorque
    1986: 2.ª Bienal de Havana
    1991: Bienal de Óbidos
    1991: Individual no Maputo

    Alguns prémios
    Prémio Aquisição, no Salão de Arte Moderna de Angola, em 1973
    Menção honrosa no Salão de Outuno do Casino Estoril, em 1987
    Menção honrosa na Bienal de Óbidos, em 1991
    Instituições onde está representado

    Está representado:
    No Museu Nacional de Arte Contemporânea em (Lisboa)
    No Museu de Arte Contemporânea de Luanda
    Em colecções públicas de Moçambique, Brasil, Itália, Tanzânia e Estados Unidos
    Fontes
    Moçambique, Comissário-Geral de Moçambique para a Exposição Universal de Sevilha. 9 artistas de Moçambique. Maputo, Museu Nacional de Arte de Moçambique, 1992

    Comentar por olindacavadinha — 07/06/2012 @ 16:51


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: