THE DELAGOA BAY WORLD

16/12/2012

MINEIROS EM MINA DE OURO NO WITSWATERSRAND, INÍCIO DO SÉCULO XX

MAGAÍÇAS

Praticamente não houve colonização alguma no território continental do que é hoje Moçambique, até às descobertas de diamantes e ouro em Kimberley e mais tarde na região que hoje circunda a cidade de Joanesburgo. O caminho mais directo entre o mar e a região aurífera era um nojento pântano na infestada margem norte da então Baía do Espírito Santo. No espaço de duas décadas, os boers estavam em guerra com o Império Britânico, em Lisboa os portugueses agarravam-se a Lourenço Marques e, do Sul de Moçambique, começava o recrutamento, eventualmente através da Western Native Labor Association (WENELA) de moçambicanos para trabalhar nas minas – os magaíças, os primeiros moçambicanos expostos ao que agora está na moda chamar-se globalização. Em cima, imagem tirada numa mina no Witswatersrand, início do Século XX.

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: