THE DELAGOA BAY WORLD

10/06/2013

O JARDIM BOTÂNICO DE LOURENÇO MARQUES, INÍCIO DO SÉC. XX

Filed under: LM Jardim Vasco da Gama/Tunduru — ABM @ 18:23
Um aspecto do Jardim Botânico de Lourenço Marques, início do Séc. XX. Em 1924, depois de uma restruturação, foi baptizado com o nome de Vasco da Gama

Um aspecto do Jardim Botânico de Lourenço Marques, início do Séc. XX. Em 1924, depois de uma restruturação, foi baptizado com o nome de Vasco da Gama, para assinalar o quarto centenário da morte do navegador e vice-rei da Índia. Após a Independência em 1975, a Frelimo re-baptizou-o com o nome Tunduru, que penso era um dos campos de treino da organização na vizinha Tanzânia

Anúncios

11/11/2012

A AVENIDA AUGUSTO CASTILHO E A RESIDÊNCIA DE POTT EM LOURENÇO MARQUES, INÍCIO DO SÉC. XX

A Avenida Augusto Castilho em Lourenço Marques, início do Século XX. À direita, a sumptuosa residência dO Cônsul Pott, depois Museu Provincial, tribunal e hoje assento do Tribunal Constitucional de Moçambique. No mato a seguir à casa fez-se o Jardim Vasco da Gama (mais tarde Tunduru). Por detrás do mato à esquerda fizeram-se anos mais tarde o Desportivo, a Câmara Municipal e ao fundo da rua do lado esquerdo o Prédio 33 Andares. Reparem que a praia começava onde hoje se situa o Hotel Tivoli.

 

A mesma casa de cima, aqui em meados dos anos 1920, num dos postais clássicos da Colecção Rufino. Nesta altura era o Museu Provincial, que mais tarde foi transferido para o Museu Álvaro de Castro (hoje o Museu de História Natural).

 

01/10/2012

A IGREJA DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO EM LOURENÇO MARQUES, ANOS 1910

xx

 

A Igreja de Nossa Senhora da Conceição, então mesmo em frente à actual embaixada britânica em Maputo, logo acima do antigo Jardim Vasco da Gama.

15/09/2012

A IGREJA DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO E O CONSULADO BRITÂNICO EM LOURENÇO MARQUES, INÍCIO DO SÉCULO XX

A Igreja de Nossa Senhora da Conceição em Lourenço Marques, início do Século XX. Foi demolida para ali perto ser construída a Sé Catedral de Lourenço Marques, que tem formalmente o mesmo nome. A curiosidade desta rara fotografia é que mostra exatctamente onde ficava situada (mais ou menos onde fica hoje a antifa sede do Rádio Clube de Moçambique (hoje a Rádio Moçambique) pois mesmo atrás pode-se ver o antigo Consulado britânico em Lourenço Marques, que hoje é a embaixada britânica em Maputo. À direita da igreja fica o Jardim Vasco da Gama (hoje o Tunduru).

09/09/2012

A ENTRADA DO JARDIM VASCO DA GAMA EM LOURENÇO MARQUES, ANOS 1930

Filed under: LM Jardim Vasco da Gama/Tunduru — ABM @ 18:56

A entrada principal do Jardim Vasco da Gama em Lourenço Marques, cerca dos anos 1930. Após a Independência o Jardim, considerado o melhor jardim botânico em África, foi rebaptizado com o nome de Tunduru.

07/07/2012

O LAGO NO JARDIM VASCO DA GAMA EM LOURENÇO MARQUES, 1950

Filed under: LM Baixa, LM Jardim Vasco da Gama/Tunduru — ABM @ 15:40

Fotografia da colecção de Fernando Morgado.

 

O pequeno lago dentro do Jardim Vasco da Gama (actualmente, Tunduru), junto à esquina das Avenidas Álvares Cabral e Augusto Castilho, 1950.

VISTA DE LOURENÇO MARQUES, ANOS 1950

Fotografia da colecção de Fernando Morgado.

 

Uma vista de Lourenço Marques, anos 1950.

 

A mesma fotografia, com alguma toponímia indicada. Devo salientar que, nos edifícios situados por detrás do Hotel Club, foi onde pela primeira vez se fizeram bebidas gaseificidas para venda (chamadas “sodas”) em Lourenço Marques, era uma fabriqueta tosca mas era aqui que se faziam.

24/06/2012

A CÂMARA MUNICIPAL DE LOURENÇO MARQUES E O PRÉDIO FUNCHAL, FINAL DOS ANOS 1960

O edifício da Câmara Municipal de Lourenço Marques visto de Oeste. Atrás podem-se ver a Sé Catedral e o Prédio Funchal, o edifício de O Diário (e a Tribuna) e ainda parte do Jardim Vasco da Gama (hoje Tunduru).

02/06/2012

A BAIXA DE LOURENÇO MARQUES E A MAXAQUENE, ANOS 1910

 

A Baixa de Lourenço Marques e a Maxaquene.

19/04/2012

LOURENÇO MARQUES NO INÍCIO DO SÉCULO XX

A pequena cidade de Lourenço Marques, início do Século XX. A mancha verde em frente é o Jardim Vasco da Gama (hoje Tunduru), no meio o palacete de Gerard Pott, o rico holandês que foi corrido de Moçambique durante a guerra anglo-boer e onde hoje assenta o Supremo Tribunal de Moçambique. Antes disso foi o Museu Provincial

21/03/2012

A SEDE DO RÁDIO CLUBE DE MOÇAMBIQUE EM LOURENÇO MARQUES, ANOS 1960

O edifício mais alto é a sede do Rádio Clube de Moçambique. Na esquina ficava o jornal Diário. Ao fundo, a torre da Sé Catedral. À esquerda o depósito de água do Jardim Vasco da Gama.

20/03/2012

O PRÉDIO MONTEPIO EM LOURENÇO MARQUES, ANOS 1960

Em primeiro plano, o arco da entrada principal do Jardim Vasco da Gama. A meio, o monumento erguido para assinalar a visita do Marechal Óscar Carmona a Lourenço Marques em 1939. Ao fundo o Prédio Montepio. Em Lourenço Marques, anos 1960. Antes da Independência, o monumento foi demolido e, anos mais tarde, colocada uma pequena estátua de Samora Machel de braço no ar. No final deste ano, a apenas 100 metros de distância, no local onde outrora estava implantado o monumento a Mouzinho de Albuquerque, foi inaugurada outra (mais uma) estátua à estilo soviético de Samora, desta vez com uns dez metros de altura.

10/03/2012

A RESIDÊNCIA DE GERALD POTT, CÔNSUL DA HOLANDA E DO TRANSVAAL EM LOURENÇO MARQUES, 1900

A mansão de Gerald Pott, foi edificada junto do Jardim Vasco da Gama e incluia terrenos que hoje são parte do Jardim (que agora se chama Tunduru). Uns anos depois foi vendido ao Governo Provincial e usado como Museu Provincial, até nos anos 1930 se ter construído o Museu Álvaro de Castro, tendo o seu espólio sido transferido para ali. Serviu de seguida como tribunal, função que ainda mantém hoje.

 

Jardim da mansão de Gerald Pott. Esta parcela tornou-se parte do Jardim Vasco da Gama (Tunduru).

23/02/2012

O JARDIM VASCO DA GAMA, O TRIBUNAL E A BAIXA DE LOURENÇO MARQUES, ANOS 1960

Fotografia restaurada.

 

Vista do Jardim Vasco da Gama, tribunal e baixa de Lourenço Marques, anos 1960.

OS CAMPOS DE TÉNIS NO JARDIM VASCO DA GAMA EM LOURENÇO MARQUES, ANOS 1960

Filed under: LM Jardim Vasco da Gama/Tunduru, LUGARES — ABM @ 19:27

Fotografia restaurada.

 

Os campos de ténis do Jardim Vasco da Gama.

19/02/2012

VISTA AÉREA DE LOURENÇO MARQUES, ANOS 1960

Vista aérea da cidade de Lourenço Marques.

30/11/2011

A ENTRADA PRINCIPAL DO JARDIM VASCO DA GAMA EM LOURENÇO MARQUES, ANOS 1960

Filed under: LM Jardim Vasco da Gama/Tunduru, LUGARES — ABM @ 10:38

Para ver esta fotografia em tamanho máximo, prima duas vezes na imagem com o rato do seu computador.

A entrada principal do Jardim Vasco da Gama em Lourenço Marques, cerca dos anos 60. Em frente pode-se ver o monumento erguido na ocasião da visita, em 1939, do então presidente português, Óscar Carmona, à província portuguesa. O monumento foi removido em 1975 e mais tarde no mesmo local foi erguida uma estátua ao primeiro presidente de Moçambique, Samora Machel, que neste momento ainda se encontra no local.

02/07/2011

VISTA DA BAIXA DE LOURENÇO MARQUES, 1900’S

Foto tirada a partir das Colinas de Maxaquene. Na ponta da esquerda da foto pode-se ver uma parte do Paiol da Cidade, que, para quem conhece, hoje ficaria directamente por cima da piscina dos pequenos do Desportivo. O Paiol foi demolido na altura e as barreiras removidas também. Nos anos 60 foram feitas mais remoções de terra. Em frente pode-se ver o edifício do actual Tribunal Supremo de Moçambique. Que por esta altura ou ainda era a residência de Wilhelm Pott ou o Museu Provincial.

VISTA DA BAIXA DE LOURENÇO MARQUES, ANOS 60

Vista geral da baixa da cidade, anos 60. De destacar que o Prédio 33 andares ainda não existia (se bem que os anteriores edifícios já haviam sido demolidos), a actual sede do Banco Barclays estava a ser feita, Vê-se ainda a sede do Desportivo e a sua piscina, em frente a antiga Câmara Municipal de LM, a Av da República (hoje 25 de Setembro) etc e tal.

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: