THE DELAGOA BAY WORLD

10/03/2018

HELÈNE DE ORLÉANS, DUQUESA DE AOSTA, NA BEIRA, 1909

 

A Princesa Heléne de Orléans, uma das irmãs da Rainha Consorte de Portugal, D. Amélia, posando numa gigantesca canoa com os membros duma tribo local (na altura não havia “moçambicanos”) no Rio Búzi, perto dum sítio que os portugueses chamavam Nova Lusitânia, nos arredores da Beira, 1909 (D. Luis Filipe de Orléans e Bragança, o herdeiro da coroa de Portugal e em honra de quem a Beira foi denominada, era seu sobrinho). Na primeira década do Século XX, Heléne percorreria África a visitar lugares, caçar e a tirar fantásticas fotografias como esta.

 

Hélène com o seu primogénito, Amedeo, em 1898. Depois de uma séria paixão com um membro da família real britânica que não deu em nada, em Junho de 1895 casou com o príncipe italiano  Emanuele Filiberto di Savoia, Duque de Aosta, relação que não resultou – ou, como se dizia na altura, que não foi feliz. Tiveram dois filhos. Assim, para ocupar o tempo, Helène, então já Duquesa de Aosta, passava longas temporadas em África, às vezes durando mais do que um ano.

 

Helène de Orléans (é a do meio), de braço dado com a Princesa Alexandra, a futura rainha britânica (esquerda) e a sua filha, durante o casamento do Duque de Guise em 1899.

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: