THE DELAGOA BAY WORLD

06/08/2020

MULHER NA AVENIDA DA REPÚBLICA EM LOURENÇO MARQUES, ANOS 60

Imagem de Ricardo Rangel, retocada, agora parte de uma exposição em Maputo dedicada à mulher moçambicana.

 

Uma senhora, levando um bebé atrás, atravessa a Avenida da República em Lourenço Marques, levando consigo uma ovelha (acho eu), cedo de manhã, anos 60. Presumo que estivesse a caminho da Catembe. Atrás à direita, na esquina da Praça Vasco da Gama, onde se situa o Bazar, vê-se o Kiosk Olimpia, o último da Cidade, inacreditável e criminosamente demolido no final da década de 60 para ali implantar a sede do BCCI, que nunca foi inaugurada por causa da reviravolta com a independência (vinte anos mais tarde, viria a ser a sede do Banco Comercial de Moçambique e depois do Banco Internacional de Moçambique).

16/11/2018

O KIOSK OLÍMPIA EM LOURENÇO MARQUES, POR DANA MICHAHELLES, 1970

Filed under: Dana Michahelles - Artista, LM Kiosk Olímpia — ABM @ 00:35

 

Desenho de Dana Michahelles, de Lourenço Marques em 1970, originalmente a preto e branco, pintado por mim.

 

O Kiosk Olímpia, 1970. Levou-me seis horas a pintar isto.

O desenho retrata o Kiosk Olímpia, que ficava na esquina das Avenidas da República e Manuel de Arriaga, onde agora está o que resta da antiga sede do BCM. À esquerda fica a AVenida da República. Atrás da imagem do Kiosk vê-se, num canto, uma ponta do Bazar.

A demolição do Kiosk Olímpia foi mais um dos crimes arquitectónicos feitos na Lourenço Marques colonial. Irrelevante hoje, pois a independência apenas mudou a velocidade e a natureza da destruição da sua história e património.

Dana Michahelles, que viveu em Lourenço Marques até a Frelimo chegar, sabia isso e por isso fez este desenho, mesmo antes da demolição do velho café, o último kiosk de Lourenço Marques, antes de começarem a obra dantesca da (então) nova sede do BCCI.

Fica a memória.

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: