THE DELAGOA BAY WORLD

19/08/2018

A ILHA DE PRÓSPERO, DE RUI KNOPFLI, 1972

Filed under: Livro A Ilha de Próspero, Rui Knopfli - poeta — ABM @ 00:06

Para um livro tão conceituado como este do Rui Knopfli, a única maneira de o ler é comprar num alfarrabista.

Outra questão semântica e dialética: pode um branco de origem portuguesa e nascido em Inhambane reclamar a moçambicanidade antes de 1975? é que no caso do Rui, para alguns, parece que sim. Não que ele tivesse mexido uma palha nesse sentido para além do que escreveu. Não que alguém em Moçambique tivesse mexido uma palha nesse sentido, alguma vez.

Pois, são os fantasmas que nunca desaparecem. Porque não podem. Enfim, adiante.

Capa

 

Ficha

 

O Rui com a máquina fotográfica.

 

 

 

Algumas leituras adicionais relacionadas, online:

A geografia do espelho na poesia de Rui Knopfli

A Ilha de Próspero e o Repensar do Colonialismo

Knopli’s Melody

Uma leitura de A Ilha de Próspero

Entre as savanas de aridez e os horizontes da poesia: a multifacetada geopoética de Rui Knopfli

Artigo da Ana Mafalda Leite

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: