THE DELAGOA BAY WORLD

13/02/2012

JOSÉ MARIA MESQUITELA CUMPRIMENTA MARCELO CAETANO EM LOURENÇO MARQUES, 1969

Fotografia gentilmente cedida por José Maria Mesquitela.

Durante a única visita que fez a Moçambique, em meados de 1969, o então jovem José Maria Mesquitela cumprimenta Marcelo Caetano, recentemente empossado como Presidente do Conselho de Ministros português, na sequência dos problemas médicos que invalidaram Salazar. À esquerda de Marcelo Caetano está o ministro do Utramar de então, Prof. Joaquim Moreira da Silva Cunha. Do lado direito estão o Governador-Geral, Baltazar Rebelo de Sousa e a sua mulher. O senhor à direita não sei quem é. Um dos presentes é o seu padrinho (tenho que perguntar quem). O Pai Mesquitela foi um dos expoentes da política ultramarina e um firme defensor da permanência portuguesa em Moçambique, com um impressionante currículo a condizer. Gonçalo Mesquitela, um dos seus irmãos, foi um lendário (e temido) combatente por Portugal. Um Portugal que se extinguiu em 1974.

ANTÓNIO OLIVEIRA SALAZAR FALA À NAÇÃO PELA TELEVISÃO, ANOS 1960

Filed under: José Maria Mesquitela, Salazar — ABM @ 01:30

Foto dedicada ao José Maria Mesquitela, o filho mais novo duma grande Família de Moçambique.

Foto restaurada. Para ver em tamanho máximo, prima na imagem duas vezes com o rato do seu computador.

Oliveira Salazar, que governou em ditadura entre 1930 e 1968, aqui a falar aos portugueses da Metrópole pela televisão, anos 1960.

MARCELO CAETANO, O ÚLTIMO PRESIDENTE DO CONSELHO DO ESTADO NOVO, ANOS 1970

Filed under: José Maria Mesquitela, Marcelo Caetano — ABM @ 01:17

Como o meu amigo e moçambicanófilo José Maria Mesquitela refilou veementemente comigo esta tarde que nas minhas colectâneas lúdico-africanas só mostro fotografias de terroristas da Frelimo, traidores, comunistas e afins (o que nego veementemente, aqui mostra-se quase tudo) aqui vai uma foto tipo poster do Prof. Marcelo Caetano, o senhor que se seguiu a Salazar.

A seguir, claro, uma do próprio Salazar. 

E depois uma dele.

A ver se se restabelecem os equilíbrios político-partidários.

Marcelo Caetano, quando era o Presidente do Conselho que se seguiu a António de Oliveira Salazar (1968-1974)

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: